Livro Na Estante

13/05/2013 18:11

I - Livro na estante, não  transforma-me.

Deixa-me distante  e, fora do mundo,

Sem ideia

Sem Corpo e mente: moribundo.

 

II - Livro na estante, não pode ser lido,

Nem discorrido.

Guarda poeira

Não ensina, e, cria barreira.

 

III - Livro na estante  não tem valor,

Quer ser aberto, apreciado

Mostrar seu louvor.

O livro é útil

Forma, transforma-te.

Na estante fica esquecido,

Se não for lido:

Deforma-te.

(Adenildo Bezerra, professor, membro da Academia de Letras, Artes e Ciências – ALAC – Cadeira nº 28)

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!