Arquivo de Artigos

O rio da minha cidade

03/04/2014 17:33
O rio da minha cidade é... Mais formoso do que o Danúbio, Mais caudaloso do que o Volga, Mais cheiroso do que o Tietê, Meu rio, não é o Nilo, Mas é uma dádiva, Pode crer! O rio da minha cidade, É maior do que o Tâmisa, Mais belo do que o Sena, Porque é o rio que mata a minha a sede, Ah! O meu rio,...

Imperatriz do Mearim

06/01/2014 17:31
E do outro lado de um rio, nasceu uma cidade Entre igarapés, ingás, piados d' Ararinhas enfim. Que seduzem poetas, em cantata de felicidade Inspirados, no desaguarío do Imperador Mearim. Do outro lado de um rio, contemplava-se aningais Expostos em portos, que deslizaram com a idade De um tempo, em...

Pescador Mearinense

06/01/2014 17:05
Singrando o Mearim, Em canoas e igarités, No sobe e desce dos banzeiros, Ou na força das marés, Lá vai o pescador, Remando, confiante, Atrás de mandis, surubins, bagres e mandubés. Um cotidiano de labor, Entre tarrafas, anzóis e caniços, Redes, sororós e espinhéis. Raia o dia, e cai a noite, Não...

Amigo...

06/01/2014 17:03
Aquele que transmite confiança, Que faz brotar a esperança No coração de quem a perdeu. Que afaga, protege, defende, Que não se rende às adversidades, Que é solícito, transparente, proativo, E está na hora certa, de prontidão, Apto a servir, sem preocupar-se Com o reconhecimento ou a...

Menor Abandonado

06/01/2014 15:53
Ei, você aí! Dê-me um trocado, Tenho fome E meu corpo está cansado. Minh ’alma está ferida, Minha vida é sofrida Sou um ser banalizado, Sou um menor abandonado. O meu futuro é incerto Não sei, decerto, Para onde seguir. Minha família esfacelou-se Minha Nação me esqueceu, De mim, todos fogem, Virei...

Podemos ser imortais

06/01/2014 15:51
Decerto, que um dia iremos partir... Mas, para sempre existiremos, Porque a nossa história nos perpetuará, Nossa contribuição será importante para o nosso povo, Nossa obra ficará, para lembrai-vos de quem somos nós. Estamos sobre a Terra para sermos úteis, Para realizarmos ações condignas com a...

O inefável Bill, de Jesus

06/01/2014 15:49
Nascido em Buriti de Inácia Vaz; De personalidade fugaz e inefável; Dentre tantos lugares, Arari foi preferível, Bill de Jesus, memória indelével, que falta nos faz.   Um biênio da sua partida, sofrida e eterna; Nesse ínterim, nossa cultura perdeu seu fulcro; Tradições e inovações, tudo isso...

Lembranças...

06/01/2014 15:47
Lembro-me, com saudosismo, De minha infância pobre De uma vida sem pompas Mas de uma vivência nobre. De um tempo em que eu vendia Bananas em uma bacia Lá no antigo mercado, Tia Luca arrumava-me a freguesia. Dos talos que carregava nos ombros, Do Cafezal até a nossa casa, Ao chegar não tinha fim Os...

Matematização do Eu

06/01/2014 15:44
No cotidiano do meu Ser, sinto a potenciação do amor; Racionalizo os denominadores da minha razão, Subtraio os infortúnios e a miserabilidade da dor Multiplico por dez, cem, mil, as alegrias do meu coração.   Adiciono mais cor, sabor e aroma ao meu viver; Soluciono meus problemas, almejando...

Soneto Mearinense

16/07/2013 19:23
Águas plácidas, lóticas, fundamentais; De sul a norte, de norte a sul, lá se vai; Conduzindo a esperança de povos iguais; Maranhense, soberano, útil, igual um pai.   Lendário, de mãe d’água e cabeça de cuia, De areia e de esmeril, majestoso, e viril; Arari, ribeirinha, que o saúda dizendo:...
Itens: 11 - 20 de 102
<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!